Categoria
Nenhum evento encontrado!

Devoção do mês de março
Quaresma

2020 abril

Data

21 mar 2020

Tempo

All Day

Os apelos de Nossa Senhora

São Paulo nos diz:

Nós vos exortamos a não receberdes em vão a graça de Deus, pois ele diz: “No momento favorável, eu te ouvi e no dia da salvação, eu te socorri”. É agora o momento favorável, é agora o dia da salvação. Não damos a ninguém nenhum motivo de escândalo, para que o nosso ministério não seja desacreditado. Mas em tudo nos recomendamos como ministros de Deus.

2Cor 6,1-4a

No 4º domingo da Quaresma, celebramos o Domingo da Alegria. Nas vésperas, que rezamos na tarde deste sábado, a leitura da segunda Carta de São Paulo aos Coríntios nos dá um incentivo a mais para bem vivermos esta Quaresma: não há porque esperarmos que algo mais aconteça para mudarmos de vida, pois é agora o dia da salvação!

A Mãe de Jesus sempre nos faz esse mesmo convite, em todas as aparições que Deus lhe concede realizar para nosso bem. Seja na Europa, na América, na África, na Ásia, na Oceania, em qualquer dos continentes Nossa Senhora nos diz o mesmo, de diversos modos: “Não recebais em vão a graça de Deus”… Pois é certo que Deus nos concede a graça – a graça de nos converter, de nos salvar. Então, cabe a nós não desperdiçar o que Ele nos dá. E quando nos vem essa graça? Hoje! Agora é o momento favorável, o momento cheio da graça do Senhor!

Sejamos atentos aos apelos do Céu! De lá nos acena a Virgem Imaculada, indicando o caminho do Bem eterno, das alegrias que jamais cessarão!

Peçamos perdão a Nossa Senhora por não termos atendido aos Seus apelos de conversão:

Ato de desagravo ao Imaculado Coração de Maria

Ó Coração Doloroso e Imaculado de Maria, transpassado de dor pelas injúrias com que os pecadores ultrajam vosso santo nome e vossas excelsas prerrogativas; eis prostrado aos vossos pés vosso indigno filho, que, oprimido pelo peso das próprias culpas, vem arrependido com ânimo de reparar as injúrias que, à maneira de penetrantes setas dirigem contra vós os homens ousados e perversos. Desejo reparar com esse ato de amor e submissão que faço perante o vosso coração amantíssimo, todas as blasfêmias que proferem contra o vosso Augusto nome, todas as ofensas que fazem às vossas excelsas virtudes e todas as ingratidões com que os homens correspondem ao vosso maternal amor e inesgotável misericórdia.

Aceitai, ó Coração Imaculado, esta demonstração de meu fiel carinho e justo reconhecimento, com o firme propósito que faço de ser-vos fiel todos os dias de minha vida, de defender vossa honra quando a veja ultrajada e de propagar com entusiasmo vosso culto e vossas glórias.

(rezar 3 Ave Marias em honra ao poder, sabedoria e misericórdia do puríssimo Coração de Maria, desprezado pelos homens)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *